Maturi: as delícias da comida regional

Maturi é o nome que as irmãs e empresárias, Kátia Rocha e Lúcia Holanda escolherem para o restaurante que inauguraram em fevereiro de 2007. Com esse nome, elas resgataram o sabor da infância e homenagearam a mãe, dona Maria da Conceição, que utilizava a castanha de caju ainda verde (maturi), para fazer as fritadas, com camarão ou frango, que a família adorava. O prato é da culinária nordestina e está registrado nos livros de Jorge Amado e na fala de Caetano Veloso, que declarou sua paixão pela fritada de maturi que Dona Canô fazia.

fritada-1a fritada de maturi é servida diariamente, no restaurante

O início

Kátia e Lúcia sempre gostaram de cozinhar para a família. Quando as duas iam para a cozinha, todos podiam esperar o melhor! A vocação das irmãs era conhecida, mas nem todos tinham a sorte de provar os quitutes feitos por elas. Até que um dia, para a alegria de muita gente, elas resolveram montar o restaurante.

MATURI (6)
MATURI (8)
MATURI (7)

O Maturi

O restaurante funciona num espaço claro, aconchegante, decorado com produtos artesanais, todo climatizado, numa localização privilegiada, em Aracaju/SE. Ali, elas oferecem comida caseira da melhor qualidade e muita variedade. Por dia, o restaurante atende em torno de 400 pessoas. No fim de semana, entre 500 e 600. Mas, há espaço para todos.

MATURI (42)

MATURI (35)

MATURI (9)

MATURI (5)há mesas para 2, 4, 6 e 10 pessoas

Variedade e qualidade

O cardápio é baseado no que Kátia e Lúcia gostam de comer, no que elas entendem que o cliente espera encontrar. Por isso, num só dia, podemos escolher, além de coloridas saladas, pratos como moquecas, risotos, massas, peixes e mariscos, frango, carnes, fritadas de maturi, caranguejo e aratu, sarapatel, feijoada, vatapá, caruru, bobó, acarajé, além de pastéis, batata frita, bolinho de bacalhau e de queijo – tudo disposto num fogão de 3,70 X 1,70, especialmente construído, no meio do restaurante, para manter todos os alimentos adequadamente aquecidos. 

MATURI (83)

MATURI (23)

MATURI (82)

MATURI (76)

MATURI (73)

MATURI (74)

MATURI (86)

MATURI (78)

MATURI (79)

As saladas, pelo contrário, ficam à parte, numa bancada fria. O colorido da bancada é irresistível.

MATURI (26)
MATURI (30)

MATURI (29)

Tudo natural

Na hora de cozinhar, nada de temperos prontos, tipo cebola, alho e sal, o que facilitaria o trabalho. Kátia e Lúcia preferem fazer tudo, temperar com o sal de limão e o sal de alho-poró, produzidos na cozinha do Maturi.

MATURI (75)a carne de panela está no topo da preferência

As preferências

A carne de panela é o prato preferido dos clientes, não pode faltar. Eles costumam levar para casa, pedir a receita, encomendar para o fim de semana. As sobremesas mais festejadas são o pudim, a torta búlgara e o bolo de milho. Mas, uma infinidade de delícias desfilam num carrinho que percorre o restaurante.

MATURI (56)
MATURI (47)

MATURI (52)

E para beber?

No quesito sucos, o Maturi oferece, no seu cardápio, limão, laranja e abacaxi, mas costuma atender a todos os pedidos dos clientes – abacaxi com hortelã, mamão com laranja, laranja com beterraba, com linhaça – não importa a mistura. A ideia é atender, sempre e bem, os clientes.

O paraíso das dietas

O Maturi é o restaurante preferido de quem procura uma alimentação saudável, de quem está de dieta, dos diabéticos, dos que fizeram cirurgia bariátrica e dos vegetarianos. Eles sabem que lá, eles encontram de tudo. São executivos, estudantes de escolas próximas, profissionais liberais, e no fim de semana, famílias inteiras, muitos turistas querendo experimentar a culinária local. O Maturi é referência de comida regional e como oferece uma grande variedade de pratos, é a melhor opção para agradar a todos.

MATURI (28)

MATURI (32)as saladas são coloridas, feitas com criatividade e ingredientes de primeira

Qualidade é o que interessa

Para assegurar a qualidade do restaurante, os fornecedores são selecionados e não basta ter um preço bom. A qualidade está acima de tudo. Os produtos devem chegar devidamente acondicionados, ter a temperatura apropriada e a aparência saudável. Todos os congelados são checados, assim que chegam, com um termômetro a lazer.

MATURI SEGUNDO DIA (1)

Kátia e Lúcia estão sempre presentes e à frente de tudo, das compras à cozinha, do caixa ao atendimento e recepção dos clientes.

MATURI SEGUNDO DIA (15)Kátia Rocha no caixa

MATURI SEGUNDO DIA (14)Lúcia Holanda, com a mão na massa, na cozinha

Os funcionários – todos uniformizados – são orientados e treinados por uma nutricionista, periodicamente, e estão sempre a postos, no atendimento. Câmeras monitoram todo o ambiente e um vigilante na porta do restaurante garante a segurança de todos.

MATURI (13)

MATURI SEGUNDO DIA (39)toucas, luvas, aventais e uniformes são itens indispensáveis para os 24 funcionários do Maturi

O Maturi abre de segunda a sábado, de 11 às 15 horas. De segunda à sexta, o quilo custa R$ 49,90. No sábado, 52,90.  

www.restaurantematuri.com

Rua Luiz da Hora Santos, 149 – Grageru . CEP 49027-070 – Aracaju/Se

Tel.: (79) 3302-6882

8 comentários sobre “Maturi: as delícias da comida regional”

  1. Gosto muito do Maturi, comida deliciosa, lugar agradável , muito boa a publicação, deu água na boca.

  2. Preciso conhecer esse restaurante! Me deu água na boca.

  3. Quero viajar e levar maturi para fazer para minha família que nunca comeu a viagem é de 5 horas de relógio, como devo levar o maturi para não estragar?

    1. Oi, Mirian! O ideal é que você ligue para o Maturi. Lá, eles vão informar vc melhor do que eu! Grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *