Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro

Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro – a grande loucura do artista plástico chileno

O Rio de Janeiro, sem sombra de dúvida, é uma das cidades mais lindas do mundo e grande o suficiente para oferecer ao visitante uma programação vasta e diversificada. Há muito o que ver na cidade maravilhosa e mais visitada do país. Mas, vamos destacar aqui, um dos seu pontos turísticos mais instigantes, a Escadaria Selarón, que liga os bairros da Lapa e de Santa Teresa, no centro boêmio do Rio.

Mapa da Escadaria Selarón, no centro do Rio de Janeiro
A Rua Joaquim Silva é a referência para você chegar à Escadaria Selarón

Equipamento urbano ou obra de arte?

A Escadaria Selarón é uma das obras de artista chileno, Jorge Selarón, que depois de rodar o mundo, morar em Nova Iorque e São Paulo, escolheu o Rio de janeiro para viver definitivamente. Agradecido ao povo brasileiro, Selarón se inspirou nas cores da brandeira do Brasil para produzir a obra que durou boa parte da sua vida para ficar pronta.

Siga nosso perfil no Instagram: https://www.instagram.com/existe_um_lugar/

Mural onde Jorge Selarón conta toda a história da escadaria famosa
Nesse mural, Jorge Selarón conta toda a história da escadaria famosa

A grande loucura

Tudo começou em 1990, quando aconteceu a Copa do Mundo e a vizinhança tinha decorado a escadaria de verde e amarelo. Jorge Selarón se empolgou e começou a comprar os azulejos nessas cores até introduzir a sua preferida; o vermelho. O artista considerava a escadaria a sua grande loucura. E a gente concorda. A obra não tinha fim. Por todo o tempo que viveu no Rio, ele trabalhou na escadaria – ora colando azulejos, ora trocando.

A Escadaria Selarón para o Rio

A escadaria é coberta por mais de 2 mil azulejos, comprados por Jorge Selarón e doados por amigos e conhecidos que traziam do mundo inteiro para ele completar o trabalho. Colados ali, também estão pedaços de espelho e cacos de telha, recolhidos pelo bairro, nos restos de construção. Aos poucos, a escadaria do Convento de Santa Teresa, que antes era suja e mal conservada, transformou-se num dos pontos mais visitados do Rio. Não há visitante que resista a essa visita, a uma foto na escadaria.

Turistas sobem e descem a escadaria Selarón
A Escadaria Selarón se tornou um dos pontos turísticos mais visitados do Rio

Uma obra única

A obra é considerada a maior escultura do mundo feita por um só artista. Mas, para dar conta desse projeto, Jorge Selarón contou com a colaboração dos moradores do bairro e dos amigos, além da renda apurada com a venda de quadros de sua autoria.

Os azulejos da Escadaria Salarón, trazidos de mais de 60 países
Nas paredes da escadaria, azulejos de mais de 60 países de coram o espaço

É interessante observar que não se trata, apenas, de uma colagem de azulejos. Nos detalhes, podemos ver o trabalho minucioso do artista e as muitas homenagens que ele faz ao Rio e ao Brasil. Através dos seus azulejos, Selarón também se manifestava e denunciava o preconceito e a marginalização da mulher negra na favela.

A Escadaria Selarón e os seus números

O trabalho deu vida nova ao centro da cidade do Rio de Janeiro. Com os 215 degraus coloridos e 400 metros de comprimento, a escadaria levou 20 anos para ficar pronta e foi tombada pela Prefeitura do Rio, em 2005, quando o artista recebeu a medalha Pedro Ernesto e se tornou cidadão honorário do município do Rio de Janeiro. A escadaria ganhou matéria nos jornais, em revistas estrangeiras e foi citada nos programas de viagem. Videoclipes, filmes e comerciais foram gravados na  Escadaria Selarón.

Localização da Escadaria Selarón

A melhor referência para visitar a Escadaria Selarón é a Rua Joaquim Silva, entre os números 93 e 87, no Bairro da Lapa.

Jorge Selarón

Em 10 de janeiro de 2013, Jorge Selarón foi encontrado morto, queimado, aos 65 anos de idade – suspeita de assassinato. Mas, deixou a obra da sua vida para a cidade que ele adotou e amou como se fosse a sua. Portanto, continua vivo, na vida da cidade e no coração do povo que o acolheu.

16 comentários em “Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro – a grande loucura do artista plástico chileno”

  1. curioso enriquecedor complementar conhecer detalhes do Brasil
    turismoaqui #

    1. Valeu, Nick!!!
      Obrigada e um beijão pra vc!
      sonia.

  2. Um ícone essa escadaria. Preciso ter minha foto nela.

    1. Realmente!!! Tem que tirar uma foto lá!
      Valeu, Mychael!!!
      Grande abraço
      sonia.

    1. É verdade, a escadaria é super requisitada par clipes!
      Beijão e obrigada,
      sonia.

  3. Muito bacana, Sonia! Quero conhecer! Bjs querida.

    1. Vale a pena, Soraia!
      Um grande beijo, querida! Saudade!
      sonia.

  4. Esse é um dos atrativos onde mais levo turistas para conhecerem e todos ficam impressionados com a obra em si, a história e o efeito visual.

    1. Posso imaginar, Magali!
      Eles devem adorar.
      Um beijo grande, querida, e obrigada!
      sonia.

    1. Super concorrida!
      Valeu, querida!
      Obrigda, um beijo pra você,
      sonia.

  5. Que linda, da próxima vez que eu for ao Rio farei uma foto aí. ????

    1. Precisa voltar lá, mesmo, Grazi!!!
      A escadaria merece uma foto!
      Obrigada e beijão!
      sonia.

  6. Tenho muita vontade de visitar essa escadaria. Uma obra de arte mesmo! Adorei as dicas e informações

    1. Valeu, Angela! Obrigada pela visita.
      A escadaria é, realmente, uma obra de arte… vale a visita!
      Grande abraço,
      sonia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 17 =