Nova Iorque - Central Park

Nova Iorque no Natal é mágica

Nova Iorque é uma daquelas cidades que não nos basta ir, apenas, uma vez, na vida. No voo de volta, já está estamos fazendo planos para um retorno, seja para conhecer alguma coisa que não deu tempo ou rever outra, mais devagar, que adoramos. A cada estação, a cidade exibe um layout diferente, cores, aromas e hábitos próprios de cada época e que se renovam a cada ano.

digitalizar0003

Nova Iorque no Natal

No Natal, Nova Iorque é mágica. São tantas opções quanto no verão, na primavera ou no outono. Quando a temperatura cai, começa o desfile de casacos de pele pela Quinta Avenida. Sem pudor, desafiando ecologistas e defensores de martas, arminhos e visons, casacos de todos os tamanhos, estolas e chapéus cinzas, brancos e pretos dividem a cena com limusines imensas, que fazem verdadeiros malabarismos para dobrar uma esquina.

limusineas limusines circulam por toda a cidade

As vitrines

As vitrines são um show à parte. As decorações são caprichadas, verdadeiras obras de arte. As pessoas se amontoam para assistir às histórias que elas contam. E o produto que vendem, aparentemente, ficam em segundo plano. Nessa época, existem verdadeiras competições entre as lojas da 5ª. Avenida, da Madson e de outras, que misturam sonho, fantasia, criatividade e luxo

vitrine ny

vitrine 2

Árvore de Natal oficial

Todos os anos, já em novembro, Nova Iorque se enche de luz e acende a sua árvore de Natal oficial, no Rockefeller Center. A cerimônia de iluminação da árvores é famosa e atrai gente de todo o país. Uma área enorme ao redor do local é cercada e assim, a polícia controla o fluxo de gente. Para ver a árvore, é preciso enfrentar uma multidão. Ou então, deixar para o dia seguinte. Foi o que eu fiz.

árvoregeralmente, a árvore de natal oficial da cidade Nova Iorque vem de longe

Trenzinho elétrico: uma mania americana

Uma programação que faz a alegria de crianças e adultos é visitar os halls dos prédios da cidade, onde são armadas verdadeiras cidades em miniatura, com trenzinhos elétricos que circulam sem parar. Trata-se de uma tradição nova-iorquina. Os trenzinhos percorrem as pequenas cidades, dotadas de riachos, montanhas, iluminação e outros artifícios que encantam a todos.

digitalizar0015

Patinação no gelo

É tempo, também, de patinação no gelo, quando as pistas do Rockfeller Center, do Bryant Park e do Central Park disputam a preferência de um público bastante diversificado. No Rockefeller Center, as sessões duram 1 hora e meia e custam 27 dólares (adultos) e 15 dólares (crianças de até 11 anos). Aluguel de patins: 12 dólares. A pista fica aberta a partir das 8h30 e vai até a meia-noite.

NYC-Christmas No Rockefeller Center, patinação em agrande estilo.

A pista de patinação do Bryant Park é a mais popular, uma vez que a entrada é gratuita. Ela é maior que a do Rockefeller Center e o aluguel do patins custa 19 dólares. Durante a semana, ela abre às 8 da manhã e fecha às 22h. No fim de semana, a patinação vai até a meia-noite.

DSC06647

Bem ao lado, fica uma das feirinhas de Natal mais charmosas da cidade, com produtos artesanais da melhor qualidade! Vale a pena dar uma passada por lá e conferir.

na feirinha do Bryant Park, produtos de todos os preços, para todos os bolsos

Wollman Rink é a pista do Central Park. Trata-se de uma das melhores pistas do mundo e é bastante concorrida. Ali, como nas outras, gente de todas as idades, cores e religiões se mistura ao som da música pop ou clássica. Quem não sabe patinar não deve perder a chance. É só alugar um par de patins e contratar o professor para ensinar os primeiros passos.

A pista é de todos, não importa se você é um profissional ou um patinador de primeira viagem. De segunda à quinta, a entrada custa 19 dólares. De sexta a domingo, 26 dólares. O aluguel do patins fica em torno de 7 dólares.

Jardim Botânico

O Jardim Botânico é outra opção especial. Todo ano, ele se prepara para receber milhares de pessoas que querem conhecer a bela estufa de 1902, onde estão expostas miniaturas de prédios nova-iorquinos importantes, feitos de gravetos, galhos, ramos, sementes, folhas e flores.

digitalizar0014

digitalizar0011

As miniaturas ganham vida graças à iluminação caprichada e ao trenzinho elétrico, que passa, apitando, por entre os prédios, sobre as pontes, por cima e por baixo das pequenas estruturas.

digitalizar0002

digitalizar0004

digitalizar0006

digitalizar0005

digitalizar0008

digitalizar0009

digitalizar0013

Quando o céu escurece, as luzes que decoram os jardins se acedem e transformam a paisagem. Os fogos dão o tom festivo ao Jardim Botânico e o espírito natalino invade, de uma vez, o horizonte e o coração de quem está por perto.

árvores de natal

 

2 comentários sobre “Nova Iorque no Natal é mágica”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *