Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro

Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro – a grande loucura do artista plástico chileno

O Rio de Janeiro, sem sombra de dúvida, é uma das cidades mais lindas do mundo e grande o suficiente para oferecer ao visitante uma programação vasta e diversificada. Há muito o que ver na cidade maravilhosa e mais visitada do país. Mas, vamos destacar aqui, um dos seu pontos turísticos mais instigantes, a Escadaria Selarón, que liga os bairros da Lapa e de Santa Teresa, no centro boêmio do Rio.

Mapa da Escadaria Selarón, no centro do Rio de Janeiro
A Rua Joaquim Silva é a referência para você chegar à Escadaria Selarón

Equipamento urbano ou obra de arte?

A Escadaria Selarón é uma das obras de artista chileno, Jorge Selarón, que depois de rodar o mundo, morar em Nova Iorque e São Paulo, escolheu o Rio de janeiro para viver definitivamente. Agradecido ao povo brasileiro, Selarón se inspirou nas cores da brandeira do Brasil para produzir a obra que durou boa parte da sua vida para ficar pronta.

Siga nosso perfil no Instagram: https://www.instagram.com/existe_um_lugar/

Mural onde Jorge Selarón conta toda a história da escadaria famosa
Nesse mural, Jorge Selarón conta toda a história da escadaria famosa

A grande loucura

Tudo começou em 1990, quando aconteceu a Copa do Mundo e a vizinhança tinha decorado a escadaria de verde e amarelo. Jorge Selarón se empolgou e começou a comprar os azulejos nessas cores até introduzir a sua preferida; o vermelho. O artista considerava a escadaria a sua grande loucura. E a gente concorda. A obra não tinha fim. Por todo o tempo que viveu no Rio, ele trabalhou na escadaria – ora colando azulejos, ora trocando.

A Escadaria Selarón para o Rio

A escadaria é coberta por mais de 2 mil azulejos, comprados por Jorge Selarón e doados por amigos e conhecidos que traziam do mundo inteiro para ele completar o trabalho. Colados ali, também estão pedaços de espelho e cacos de telha, recolhidos pelo bairro, nos restos de construção. Aos poucos, a escadaria do Convento de Santa Teresa, que antes era suja e mal conservada, transformou-se num dos pontos mais visitados do Rio. Não há visitante que resista a essa visita, a uma foto na escadaria.

Turistas sobem e descem a escadaria Selarón
A Escadaria Selarón se tornou um dos pontos turísticos mais visitados do Rio

Uma obra única

A obra é considerada a maior escultura do mundo feita por um só artista. Mas, para dar conta desse projeto, Jorge Selarón contou com a colaboração dos moradores do bairro e dos amigos, além da renda apurada com a venda de quadros de sua autoria.

Os azulejos da Escadaria Salarón, trazidos de mais de 60 países
Nas paredes da escadaria, azulejos de mais de 60 países de coram o espaço

É interessante observar que não se trata, apenas, de uma colagem de azulejos. Nos detalhes, podemos ver o trabalho minucioso do artista e as muitas homenagens que ele faz ao Rio e ao Brasil. Através dos seus azulejos, Selarón também se manifestava e denunciava o preconceito e a marginalização da mulher negra na favela.

A Escadaria Selarón e os seus números

O trabalho deu vida nova ao centro da cidade do Rio de Janeiro. Com os 215 degraus coloridos e 400 metros de comprimento, a escadaria levou 20 anos para ficar pronta e foi tombada pela Prefeitura do Rio, em 2005, quando o artista recebeu a medalha Pedro Ernesto e se tornou cidadão honorário do município do Rio de Janeiro. A escadaria ganhou matéria nos jornais, em revistas estrangeiras e foi citada nos programas de viagem. Videoclipes, filmes e comerciais foram gravados na  Escadaria Selarón.

Localização da Escadaria Selarón

A melhor referência para visitar a Escadaria Selarón é a Rua Joaquim Silva, entre os números 93 e 87, no Bairro da Lapa.

Jorge Selarón

Em 10 de janeiro de 2013, Jorge Selarón foi encontrado morto, queimado, aos 65 anos de idade – suspeita de assassinato. Mas, deixou a obra da sua vida para a cidade que ele adotou e amou como se fosse a sua. Portanto, continua vivo, na vida da cidade e no coração do povo que o acolheu.

14 comentários sobre “Escadaria Selarón, no Rio de Janeiro – a grande loucura do artista plástico chileno”

  1. curioso enriquecedor complementar conhecer detalhes do Brasil
    turismoaqui #

    1. Valeu, Nick!!!
      Obrigada e um beijão pra vc!
      sonia.

  2. Um ícone essa escadaria. Preciso ter minha foto nela.

    1. Realmente!!! Tem que tirar uma foto lá!
      Valeu, Mychael!!!
      Grande abraço
      sonia.

    1. É verdade, a escadaria é super requisitada par clipes!
      Beijão e obrigada,
      sonia.

  3. Muito bacana, Sonia! Quero conhecer! Bjs querida.

    1. Vale a pena, Soraia!
      Um grande beijo, querida! Saudade!
      sonia.

  4. Esse é um dos atrativos onde mais levo turistas para conhecerem e todos ficam impressionados com a obra em si, a história e o efeito visual.

    1. Posso imaginar, Magali!
      Eles devem adorar.
      Um beijo grande, querida, e obrigada!
      sonia.

    1. Super concorrida!
      Valeu, querida!
      Obrigda, um beijo pra você,
      sonia.

  5. Que linda, da próxima vez que eu for ao Rio farei uma foto aí. 🥰🥰😅😅

    1. Precisa voltar lá, mesmo, Grazi!!!
      A escadaria merece uma foto!
      Obrigada e beijão!
      sonia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze + quinze =